Noite de S. João

cidadenacidade2

Noite de S. João, a mais popular e envolvente das festas de Braga. No dia 14, participei numa mesa redonda sobre o S. João de Braga (ver Figura 1). Ontem, apresentei uma comunicação num seminário sobre a Festa de S. João do Sobrado. Confesso que o meu apetite pelos eventos académicos vai esmorecendo. Gaiolas cinzentas com cartão perfurado. O génio de Bernini tanto quis elevar a torre sineira da Igreja de S. Pedro, em Roma, que as paredes começaram a ceder. Desgastam-se pilares seculares e projectam-se castelos de areia, versão digital! Pelos vistos, a tradição mora, agora, no futuro, de braço dado com o vazio identitário. Até dói o pensamento. Somos todos filhos de Prometeu. Roubamos o fogo aos deuses para acender as fogueiras de S. João. Refiro-me, naturalmente, à Academia de Polícia 2: A primeira missão (1985).

TamborileiroOcorreu-me a canção “Se fores ao São João”, do álbum Tamborileiro (1979), da Brigada Victor Jara. Não desfazendo, uma das minhas canções preferidas da Brigada Victor Jara é “Manolo Mio”, do álbum Eito Fora (1977). Venha a música, siga a festa!

Etiquetas:, ,

About tendências do imaginário

Sociólogo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this: