Archive | Fevereiro 2012

Nascer em Portugal é um pau de dois bicos

Nascer em Portugal não é bom nem é mau. Depende. Para uns é uma sorte, para outros, um azar. Alguns fora daqui não são nada, muitos só lá fora são alguém. Nascer em Portugal é um pau de dois bicos. Quem canta bem este fado é o Manuel Freire (o José Afonso e o Adriano Correia de Oliveira ficam para amanhã).

Manuel Freire. Pequenos deuses caseiros. 1973.

Manuel Freire. Eles. Trova do Emigrante. 1971.

O sermão dos peixes

Numa casa repleta de media digitais, quem mais comunica são os peixes!

Marca: Verizon Fios. Título: Fish Tank. Agência: Lopez Negrete. Direção: Alex Dondero. Fevereiro 2012.

Beber a música

Este anúncio da Diet Coke foi concebido para passar no intervalo da cerimónia de entrega dos Óscares deste ano. Em caso de dúvida, o mais avisado é beber a música.

Marca: Diet Coke. Título: Credit. Agência: W+K Portland. Direção: Ellen Kuras. Música: Hooray for Hollywood. Fevereiro 2012.

O Filtro do Amor

Os contos tradicionais costumam comportar uma boa dose de perversidade. Os desenhos animados actuais, também. Atente-se nesta versão, inquietante, da paternidade.

Marca: Condomshop.org. Título: Penguins. Agência: Ogilvy & Matter Frankfurt. Alemanha, Abril 2001.

Fada electrónica

Os contos da carochinha são tão giros, não são? Com um cheirinho a Principezinho são o máximo, não são? E quando envolvem as novas tecnologias, essas fadas do nosso tempo? Fica tudo tão pueril… Este anúncio da M tel é mais ou menos assim.

M tel. Soleil et Lune

Marca: M tel. Título: Soleil et Lune. Montenegro (?), 2003.

Valsa mecânica

Este anúncio da Acura é magnífico. Antes de mais, visualmente. Mas também pelo jeito como a música se cola às curvas e as curvas se embalam na música. Quando este anúncio saiu, em 2007, andava eu às voltas com a figura da dobra na publicidade automóvel. Não sei como, na altura, me escapou. Consola-me, no entanto, constatar que não perdeu qualidade com o tempo. Para ver o anúncio, carregar na imagem.

Acura. Smiles

Marca: Acura. Título: Smiles. Agência: Rubin Postaer & Associates. Direção: Gérard de Thame. Pós-produção: Mac Guff Paris. Outubro 2007.

 

Sapinho cremoso

Os contos de fadas continuam a encantar o nosso imaginário. Às vezes, até acrescentam magia à magia. Com o novo edulcorante de extrato de stevia, sem calorias e 200 vezes mais doce que o açúcar, a magia dos iogurtes Taillefine é a dobrar. É mais ou menos como resgatar o príncipe com um beijo tão cremoso como o novo iogurte.

Marca: Taillefine. Título: Stevia. Agência: Young & Rubicam (France). Direção: Olivier Ayache Vidal. França, 2010.

Sem minuto por onde lhe pegar

Admirável! Hoje só sobrou este minuto. Amanhã é sábado. Entretanto, segue a pequena música Rome Theme, do cd Rome (2011), de Danger Mouse (com Daniele Luppi).

 

Aterragem perfeita

No que respeita a anúncios, os preservativos constituem uma fonte de inspiração ao mesmo tempo muito elástica e muito focada.

Trojan Preservativo. Gymnastics

Marca: Trojan. Título: Gymnastics. Agência: Media Therapy. Direção: James Rouse. Reino Unido, 2003.

O céu de Paris

De volta, com as taras do costume. Primeira, acreditar que abaixo da coordenada 50º Norte ainda há talento (o filme de animação O Monstro em Paris, de 2011, é um bom exemplo); segunda, a mania da ausência de gravidade. Pois este excerto do filme, com voz de Vanessa Paradis, acrescenta mais uma prova do crime: a Bela e o Monstro elevam-se nos céus de Paris. E não se elevam de qualquer maneira. Elevam-se em espiral, o movimento mais apreciado dos desgravitados.