Amor

Lisa Gerrard, Nina Simone… Lhasa de Sela, falecida em 2010, com 37 anos de idade, é um caso à parte. Associada ao circo, nómada, reservada… Em 2004, fez uma digressão em Portugal, que incluiu a Casa das Artes de Vila Nova de Famalicão. Comeu bacalhau em Xabregas e levou consigo um fado de Amália Rodrigues. Seguem Meu amor meu amor, ao vivo, e De cara a la pared (La llorona, 1997). Não perca De cara a la pared, nem que seja para reouvir  um clássico dos nossos dias.
Carregar nas imagens para aceder aos vídeos.

Lhasa meu amorLhasa de Sela. Meu amor meu amor. 2004.

Lhana de Sela. La Llorona.Lhasa de Sela. De cara a la pared. La llorona. 1997.

Etiquetas:,

About tendências do imaginário

Sociólogo.

One response to “Amor”

  1. Beatriz Martins says :

    Potencial voz!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: