Acordar o silêncio

BullyingTenho andado ocupado a falar. Quinta, sobre o público dos eventos da Capital Europeia da Cultura, no Centro Cultural Vila Flor, sábado sobre as funções e os públicos dos museus, na Casa do Professor, sexta sobre o bullying, no Agrupamento de Escolas de Briteiros. Assim como há impressoras, também há papagaios multifunções. . É engraçado como o acto de falar tem um lado pré-capitalista que o aproxima da economia dos caçadores-recolectores: não se leva nada e com nada se fica, a não ser a leveza dos tesouros simbólicos. Importa falar, mesmo quando as palavras não são de ouro. Em Briteiros, chegou-se à conclusão que o silêncio é um obstáculo e a comunicação, uma solução. Encontrei hoje, por coincidência, este anúncio a sugerir o mesmo: quando o silêncio, seja lá de quem for, é cúmplice, importa dar o alarme.

Anunciante: CKNW Orphans’ Fund. Título: Car Alarm. Agência: Taxi, Vancouver, Canada. Direção: Curtis Wehrfritz. Canadá, Janeiro 2013.

Tags: , , , , ,

Leave a Reply

%d bloggers like this: