Echo and The Bunnymen

Agora que o tempo pasma, ando apressado. Outrora, na crista das aulas materiais, presenciais e banais, saía a pé de casa para a universidade e, à hora exacta, no lugar certo, a aula acontecia. Agora, na contingência da imaterialidade à distância, ando há três dias a preparar uma aula já preparada. Nem sobram uns minutos para um artigo. Ousemos, mesmo assim, uma pausa no dever. Segue uma versão interessante da canção Forgiven dos Echo & The Bunnymen.

Echo & The Bunnymen. Forgiven. Evergreen. 1997. Acústico ao vivo.

Etiquetas:, ,

About tendências do imaginário

Sociólogo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: