Delhia de France. Três dedos de música

Delhia de France.

Estava no céu
E vi uma gaivota
Que me mergulhou no mar
Estava no mar
E vi um peixe
Que me atirou contra as rochas
Estava nas rochas
E vi um caranguejo
Que me arrastou para a areia
Estava na areia
E vi um ser humano
Que não me viu.

Os dias sucedem-se ora burocraticamente académicos e tensos, ora academicamente burocráticos e lentos. Não sobra espaço para a deriva do pensamento. Nestes tempos de coágulo mental, a música é boa companheira. Não é ciumenta e sabe ser pouco intrusiva.

Ouvi pela primeira vez a cantora alemã Delhia de France no anúncio Earth Rising, da Sony (https://tendimag.com/2019/01/05/o-nascer-da-terra/). Cativou-me.

Ontem, 7 de dezembro, a Dra. Ana Macedo concluiu, com brio, as provas de doutoramento em Estudos Culturais. Tive o gosto de ser orientador. Dedico-lhe estes três dedos de música.

Robot Koch and Savannah Jo Lack – Heart as a River (feat Delhia de France). 2016.
Delhia de France. Blank. Moirai. 2018.
Delhia de France. Waterfalls. Moirai. 2018.

Etiquetas:, ,

About tendências do imaginário

Sociólogo.

4 responses to “Delhia de France. Três dedos de música”

  1. Isly says :

    Cai de para-quedas no blog e já gostei muito de me deparar com esses versos. Seriam de qual música?
    E obrigado por compartilhar tantas coisas legais por aqui.
    Abraços

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: