Autodegradação

France 5. Invisible Women

Como sociólogo, aprecio a publicidade. Um anúncio pode revelar-se uma lição. Sociologia espontânea? Talvez criatividade com interesse. Há conferencistas que se alongam a não dizer nada. Retórica do mesmo. Há, em contrapartida, anúncios que avançam novidades rumo à alteridade.

O anúncio Invisible Women, da France5, está bem concebido e bem conseguido. É impactante e não se deixa adivinhar. Não vou ser spoiler. Acrescento apenas que merece figurar junto do clássico The Hobo: the Sociology of the Homeless Man (1923), de Nels Anderson, prefaciado por Robert E. Park. A autodesvalorização como estratégia de sobrevivência ou de convivência existe nos sem abrigo, mas também nos pedintes, nos emigrantes, nos soldados…

Marca: France5. Título: Invisible Women. Agência: Publicis Conseil, Paris. Direcção: Wilfrid Brimo. França, Dezembro 2015.

Etiquetas:, , , ,

About tendências do imaginário

Sociólogo.

One response to “Autodegradação”

  1. Beatriz Martins says :

    Muito boa, a publicidade, sem sombra de dúvidas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: