Senhora do Vale

Medalha de Nossa Senhora do Vale (Manuel Pinho)

Fig 1. Medalha de NS do Vale 

O Manuel Pinho desafiou-me a fazer um pesquisa a partir da medalha de Nossa Senhora do Vale (Figura 1). Na Internet, surgem medalhas semelhantes, algumas brasileiras. Percorri sete países: Portugal, Espanha, França, Itália, Suíça, Brasil e Argentina. Todos promovem o culto a Nossa Senhora do Vale.

Em Portugal, sobressai a Nossa Senhora do Vale de São Pedro de Cête, em Paredes (ver Figura 2: postal ilustrado de 1913).

Nossa Senhora do Vale. Cliché Claudiniz. 1913. São Pedro de Cete. Paredes.

Fig 2. Nossa Senhora do Vale. 1913. São Pedro de Cete. Paredes.

Na Argentina, impressiona a Catedral Basílica de Nuestra Señora del Valle (Catamarca). Duvido, porém, que esta Senhora pertença à mesma linhagem que a europeia. A Itália, com um número elevado de igrejas dos sécs. XII e XIII, destaca-se no culto à Senhora do Vale. Justifica dois apontamentos:

Fig. 3. Rock-cut church of Santa Maria della Valle (or Vaglia), VIII century.

Fig 3. Rock-cut church of Santa Maria della Valle, Matera. VIII century.

Fig. 4. Chiesa Rupestre di Santa Maria De Idris . Matera. Séc. XII.

Fig 4. Chiesa Rupestre di Santa Maria De Idris . Matera. Séc. XII.

A Basílica de Santa Maria do Vale, em Matera, foi escavada na rocha no séc. VIII. Na região, existem várias igrejas “rupestres” (Figura 4), património mundial da UNESCO desde 1993 (http://www.basilicatatour.com/en/stone_churches_matera.html).

Fig. 5. Parrocchia di San Vincenzo, Santa Maria della Valle

Fig 5. Parrocchia di San Vincenzo, Santa Maria della Valle

Na Paróquia de San Vicenzo Ferrer (Atessa, Itália), a imagem da Senhora do Vale é associada ao trabalho (Figura 5). O menino Jesus segura, na mão direita, o Evangelho e, na esquerda, três ferramentas de carpintaria: um martelo (força), um esquadro (inteligência) e um pincel (beleza ou harmonia):

Nuestra Sra del_Valle. Monasterio de Rodilla. Espanha. Séc. XII.

Fig 6. Nuestra Sra del Valle. Monasterio de Rodilla. Espanha. Séc. XII.

“Il Bambino, assiso come maestro e lavoratore sulle ginocchia della madre, presenta con la mano destra il vangelo e con quella sinistra tre attrezzi da falegname, lavoro che la tradizione gli attribuisce agli anni vissuti a Nazaret.
Essi indicano tre rispettive dimensioni dell’attività umana: il martello, che il lavoro è forza, fatica, sacrificio, quantità produttiva; la squadra, che è espressione di intelligenza, competenza, professionalità, qualità; il pennello, in quanto arte e ingegno umano, bellezza di lavorare insieme, nel rispetto dell’ambiente” (http://www.madonnadellavalle.it/la_madonna_della_valle.asp).

Catedral Basílica de Nuestra Señora del Valle. Catamarca, Argentina.

Fig 7. Catedral Basílica de Nuestra Señora del Valle. Catamarca, Argentina.

Etiquetas:, , , , , ,

About tendências do imaginário

Sociólogo.

One response to “Senhora do Vale”

  1. Beatriz Martins says :

    Interessante análise.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: