Sangue

bodyform_blood16O anúncio Blood, da Libresse, é inovador. A maioria dos anúncios a pensos higiénicos e tampões elimina os indícios de sangue ou de desconforto. Este anúncio acentua aquilo que os outros ocultam: o sangue, o sofrimento e a garra. As imagens não são de protecção mas de combate: o sangue e a dor fazem parte da identidade e da acção. Não há tréguas para o espectador. Neste tipo de anúncio, ousado, o lema final reveste-se da maior importância: No Blood Should Hold Us BackLive Fearless. Libresse investe numa imagem diferente da mulher.

Marca: Libresse. Título: Blood. Agência: BBDO London. Reino Unido, Setembro 2016.

Etiquetas:, , , ,

About tendências do imaginário

Sociólogo.

2 responses to “Sangue”

  1. Beatriz Martins says :

    Magnífico.Nem mais, a mulher como ela é, ora feminina ora guerreira, gostei mesmo, este anúncio pega na questão na mulher dual, nem mais, e porque é assim a mulher.

Trackbacks / Pingbacks

  1. O período | Tendências do imaginário - Outubro 14, 2016

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: