A revolta do actor secundário

cinemalyaO cinema independente adquiriu uma dimensão considerável. A sua composição é caracterizada pela diversidade. Tanta que é difícil resumi-la numa imagem comum. Nestas circunstâncias, a apresentação pode passar menos pela assunção de uma identidade e mais pela demarcação face ao outro. O antropólogo Evans-Pritchard analisa este jogo de mobilizações e recomposições em função do adversário no livro The Nuer: A Description of the Modes of Livelihood and Political Institutions of a Nilotic People (Oxford, Clarendon Press, 1940). Mas há muitas formas de se distanciar do outro. Algumas são especialmente inspiradas. Para divulgar o Cinemalaya 2016 (Cinemalaya Philippine Independent Film Festival), nada mais expedito do que avançar com uma paródia do cinema hollywoodiano. Um cinema com filmes reciclados, repetitivos, previsíveis e vazios. Assim o entende o actor secundário frustrado com tanto cliché: “We’ve been doing the same fight for 50 sequels now! I’m so sick of it”.

Marca: Cinemalaya 2016. Título: Fight. Agência: Leo Burnett Manila. Direcção: Joel Limchoc. Filipinas, Setembro 2016.

 

 

Etiquetas:, , , , ,

About tendências do imaginário

Sociólogo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: