Tag Archive | Tony Kaye

Golpe de misericórdia

johnny-cash-gods-gonna-cut-you-down-wm_480x360_640x360_176590915647Quem diz Johnny Nash (Amanhecer), pensa Johnny Cash e no vídeo musical dirigido por Tony Kaye: God’s gonna cut you down. Um excelente vídeo, realizado em 2006, três anos após a morte de Jonnny Cash. Conta com a participação, mais ou menos fugaz, de celebridades, tais como Bono, Peter Blake, Sheryl Crow, Johnny Depp, Dixie Chicks, Dennis Hopper, Kris Kristofferson, Adam Levine, Chris Martin, Kate Moss, Graham Nash, Iggy Pop, Keith Richards, Patti Smith, Sharon Stone, Justin Timberlake, Kanye West…
Perder tempo com futilidades é um vício ruim, não é? Mais edificante era afinar conceitos para decifrar a sociedade, não era? Há um jeito rafeiro de conhecer a sociedade: conhecê-la, conhecendo-a. E há um jeito não menos rafeiro de partilhar o conhecimento: sem cálculo. As sementes do pensamento não germinam só em estufas.

Johnny Cash. God’s gonna cut you down. Direcção: Tony Kaye. 2006.

Pneus surrealistas

Tony Kaye

Tony Kaye

Acabar a avaliação justifica uma celebração. O Joel, aluno de Sociologia da Arte, da licenciatura em música, analisou o anúncio Tested for the Unexpected I (Dunlop, 1993) do realizador Tony Kaye, que dirigiu vários filmes, documentários e vídeos musicais (e.g., Red Hot Chili Peppers, Roger Waters, Johnny Cash). De anúncio para anúncio, vem à memória o Tested for the Unexpected II, para a mesma marca (1993). O primeiro, com música dos Velvet Underground (Venus in Furs), o segundo com música dos Doors (The End). Estes anúncios são insólitos, com uma invejável desenvoltura grotesca. Metamorfoses, figuras estranhas, contornos indefinidos, deformações, movimentos bruscos… Convocam o surrealismo, a pop art, o psicadelismo e outros movimentos artísticos. Este género de anúncio marcou os anos noventa. Atente-se nos anúncios Diablo, do Renault Clio (1998) e Ghosts (1997) e Vampires (1997), da Citroen: https://tendimag.com/2013/01/08/nos-limites/. Gosto de anúncios assim, sulfurosos. Je suis comme je suis, je plais à qui je plaît (Jacques Prévert).

Marca: Dunlop. Título: Tested for the Unexpected I. Agência: AMV. Direcção: Tony Kaye. UK, 1993.

Marca: Dunlop. Título: Tested for the Unexpected II. Agência: AMV BBDO. Direcção: Jason Harrington. USA, 1993.