Tag Archive | homem objecto

Sexismo na publicidade

We are #Women not objects é um anúncio de denúncia da objectivação das mulheres. Anúncio bem concebido, criativo e com impacto. A figura da mulher objecto persiste na publicidade actual. Fala-se, há mais de meio século, da presença inaceitável da mulher objecto na publicidade. Fica-se, agora, a saber de um novo jeito e com a devida ironia.

Muito apreciava que alguém, uma ONG ou um movimento, se dedicasse a investigar a figura do homem objecto na publicidade. Existe cada vez mais. Um grupo de alunas do curso de licenciatura em Sociologia, da Universidade do Minho, fez um estudo sobre a publicidade de roupa interior masculina e feminina e conclui: “Tal como o corpo feminino, o corpo masculino aparece como um objecto de desejo” (Existem diferenças entre a publicidade de roupa interior masculina e feminina?, Universidade do Minho, Departamento de Sociologia, 2016, pág. 70). Seria, de facto, bem-vindo um projecto de investigação sobre o homem objecto na publicidade. Lograria, com certeza, resultados surpreendentes.

Carregar  na imagem para aceder ao anúncio.

women-not-objects-hed-2016

Anunciante. #WomenNotObjects. Título: We are #WomenNotObjects. Agência: Badger & Winters. USA, Janeiro 2016.

Assédio

adecco-temping-agency-the-body-small-48873Directa ou indirectamente, o sexo continua omnipresente na publicidade. Não espanta. Por que motivo teria o sexo menos importância hoje que ontem? Neste domínio, a era electrónica e a era látex poucas diferenças introduziram. Produzem-se menos filhos, é verdade, mas não menos anúncios sexualmente conotados. Censurado, filtrado, disfarçado, o sexo pula de anúncio em anúncio, sem se melindrar.
A figura do stripper está em expansão. Agressivo ou não. Tanto que uma empresa de trabalho temporário, a Adecco, não encontra melhor argumento do que um homem gordo a abrir as pétalas como uma planta carnívora face a uma vítima indefesa. Assédio sexual, no mercado de trabalho. Carregar na imagem para aceder ao anúncio.

Addeco

Marca: Adecco. Título: Streaptease du gros. Agência: Duval Guillaume (Brussels). Direção: Bart Van Den Bempt. Bélgica, 2000.

Homem objecto

StihlA Axe não tem o monopólio de exibição de homens objectos. Este anúncio brasileiro para a Stihl Tools apresenta um belo espécimen. E aqueles olhares predadores do sexo oposto? Viram? E a passividade da presa? Que desclassificação de género! E agora, o que é que os homens objectos vão queimar?

Marca: Stihl Tools. Título: Handsome. Agência: Giacometti. Brasil, Julho 2013.

Factores de impacto

Dos preservativos, saltamos para os canos e para as fantasias associadas à sua limpeza com recurso a artigos com duplo impacto (devem ser muito bons!). Acabamos sempre por bater na mesma tecla: somos “monotemáticos”, mas não monogâmicos (pelo menos, em sonhos).

Produto: Liquid Plumr. Título: Double Impact. Agência: DDB (San Francisco). EUA, 2012.