Disforia estimulante

Chicken Licken. PrisonA Chicken Licken da República da África do Sul lança uma série de três anúncios. Espelham uma convicção da publicidade: o disfórico pode ser estimulante, o macabro vivificante, o estranho familiar e o feio atraente. Há muito que se sabe. Desde as primeiras emoções do homo sapiens. Mas quase o esquecemos: a razão ofusca-se com tanta lógica e abstracção; e o que sobra contorce-se nas brumas da retórica. Pois, nestes anúncios está tudo bem digitalizado, bit a bit: o deprimente pode animar.

Marca: Chicken Licken. Títulos: Longing / Orphanage / Prison. Agência: Net#work BBDO. Direção: Pete Pohorsky / Terence Neale / Pete Pohorsky. República da África do Sul, Janeiro 2013.

Etiquetas:, , ,

About tendências do imaginário

Sociólogo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: